Julio César negocia posto à frente de bateria em São Paulo e Rio


È isso mesmo, em conversa informal com presidente de escola de samba sobre seus espetáculos, surgiu à possibilidade de trabalho conjunto e ao mesmo tempo sair no carnaval em posto a frente de uma bateria.

Trata-se de uma parceria inédita no carnaval, Julio seria responsável por produzir e promover o show da escola no mercado e captar recursos durante o ano. Mas, o fato de sair ao lado de uma mulher famosa não teria agradado o descobridor.

Se tiver que ocupar o cargo, que seja por uma boa causa, diz o Mulatólogo. Sair só aparecer não seria algo que combine comigo, agora aproveitar a oportunidade para mostrar ao grande público o que é realmente samba no pé, seria algo marcante, bonito e necessário para a classe que represento.

Não desfilo no carnaval há pelo menos 8 anos, isso não me atrapalha, muito pelo contrário, abre portas para muitos trabalhos em outras cidades por não ter ligação alguma com entidade carnavalesca.

Agora se as condições exigidas por forem aceitas, prometo usar toda minha experiência em causar frisson em eventos para encantar o público na avenida e fazer a escola ser aclamada.

Algo novo pode surgir, idéias não faltam, Unidos da Tíjuca fez algo que eu considero mágico mesmo e tem tudo haver com o que gosto de fazer, agora cabe idéias inéditas para conseguir causar no carnaval 2011.

0 comentários: